domingo, 14 de julho de 2013

A dublagem de “Betty, a Feia”

Ao contrário das estrelas das novelas brasileiras, os intérpretes das tramas latinas só são encontrados por aqui quando acontece algum especial de alguma emissora (como quando o SBT trouxe a Gabriela Spanic para cá). Para os brasileiros, resta conhecer os dubladores das novelas latinas, às vezes tão ou mais competentes que os próprios atores. “Betty, a Feia” teve uma dublagem muito bem feita, e vamos falar dela agora.




A novela da feia foi dublada pelo estúdio Dubla Vídeo, em São Paulo. A localização do estúdio garantiu vozes diferentes das novelas latinas exibidas pelo SBT e majoritariamente dubladas no Rio de Janeiro. Uma das primeiras coisas que chamam a atenção na versão brasileira de “Betty, a Feia” é a dublagem da música de abertura. A cantora Sarah Regina conseguiu tornar nossa versão tão boa quanto a original, e a música brasileira chegou a ser incluída em um CD lançado pelo selo musical da RedeTV!.



Para interpretar a protagonista da novela, a feia Beatriz Pinzón Solano, a dubladora escolhida foi Fátima Noya (cujos papéis mais famosos estão em desenhos animados: ela foi o Tommy de “Os Anjinhos” e a Enfermeira Joy de “Pokémon”). Fátima usou uma voz um pouco mais caricata para a personagem, e soube fazer uma transição suave quando Betty se tornou um mulherão. Já para o patrão Armando Mendoza o dublador escolhido foi Alexandre Marconato (o Sawyer de “Lost” e o Tenshinhan de “Dragon Ball Z”).







Trama está sendo exibida novamente pela RedeTV!



Pensando um pouco, não consigo lembrar de um papel cuja dublagem tenha sido mediana. Todos estão muito bem escalados, e com o tempo começamos a pensar que aquelas são as vozes de verdade dos atores (lembro que sofri um pouco quando tentei ver “Ecomoda” sem aquelas vozes conhecidas).



As únicas falhas na dublagem foram apenas acidentes. Duas vozes foram trocadas por pequenos períodos de tempo (a do Nícolas e a da Marcela) porque os dubladores provavelmente não puderam gravar. Essa mudança aconteceu só na primeira exibição, pois corrigiram na primeira reprise. O outro inconveniente foi a ausência de Taís Araújo dublando ela mesma quando a atriz participou da novela. Não se sabe se por proibição da Globo ou falta de espaço na agenda da atriz, mas em “Betty, a Feia” a Taís foi dublada por Letícia Quinto.



Confira a lista de dubladores:



Beatriz Pinzón Solano – Fátima Noya

Armando Mendoza – Alexandre Marconato

Marcela Valencia – Eleonora Prado

Mario Calderón – Luiz Laffey

Patricia Fernández – Claudia Carli

Daniel Valencia – Affonso Amajones

Hugo Lombardi – Marcelo Campos

Nicolás Mora – Sérgio Moreno

Aura María – Sandra Mara Azevedo

Sofía – Maralise Tartarine

Bertha – Zayra Zordan

Sandra – Cecília Lemes

Hermes – Walter Breda

Julia – Rosa Maria Baroli

Inesita – Isaura Gomes

Mariana – Marcia Regina

Doutor Gutierrez – Carlos Silveira

Catalina Ángel – Adriana Pissardini

Freddy Stewart Contreras – Marcelo Pissardini

Jenny – Raquel Marinho



Wilson – Dado Monteiro

Roberto – Carlos Campanile

Margarida – Patrícia Scalvi



Nenhum comentário:

Postar um comentário